Aracaju, 22 de Julho de 2018

Os benefícios da vitamina E na menopausa

Nutriente ajuda a aliviar sintomas típicos, como as ondas de calor e a sensibilidade dos seios, além de auxiliar na firmeza e hidratação da pele
17/05/2018 11h:01 - Por Redação
Article cover big a4d9f7c7effc02cf

O climatério marca um novo ciclo na vida da mulher, quando há a diminuição do estrogênio, hormônio feminino que o organismo começa a produzir durante a puberdade, na adolescência. É durante esse período que ocorre a última menstruação, conhecida como menopausa, e vários sintomas se manifestam, sendo que, para muitas mulheres, eles podem ser incômodos e impactar na qualidade de vida.

 

Embora o climatério geralmente não necessite tratamento, certos cuidados amenizam os sintomas, proporcionando bem-estar. Uma mera mudança nos hábitos e na rotina pode trazer resultados positivos, especialmente se estiver alinhada ao consumo de determinadas vitaminas e alimentos saudáveis.


 

Alimentação balanceada e hábitos saudáveis são essenciais
 

Ter uma alimentação balanceada é muito importante, uma vez que ela fornece os nutrientes necessários. A vitamina E (acetato de racealfatocoferol), por exemplo, pode amenizar as ondas de calor, a sensibilidade dos seios e a secura vaginal. "Além disso, ela beneficia a pele, que, durante a menopausa, tende a ficar mais seca, fina, frágil, flácida e, consequentemente, propensa a rugas", diz a ginecologista do Núcleo Médico Científico do Aché Laboratórios Farmacêuticos, doutora Ive Franca.

 

Por ser um antioxidante com atuação nos receptores hormonais, a ingestão de vitamina E também é importante na pós-menopausa, ajudando a reduzir o risco de doenças cardiovasculares e na manutenção das funções cognitivas. Dentre as fontes naturais do nutriente estão os cereais integrais, oleaginosas, gema de ovo e fígado.

 

Alguns dos sintomas típicos da menopausa são ondas de calor, desaceleração do metabolismo, dores de cabeça, alterações do humor (irritabilidade, ansiedade e depressão) e do sono, e diminuição da libido. "A prática de atividades físicas ajuda no controle de alguns deles, especialmente exercícios aeróbicos. Logo, é recomendado ter uma vida mais ativa", observa doutora Ive. O fumo, por outro lado, é prejudicial, especialmente na menopausa, sendo associado às ondas de calor.

 


Suplementação: aporte adequado de vitamina E
 

Em alguns casos, a mulher não consegue suprir as necessidades de vitamina E por meio da alimentação. Neste caso, a suplementação do nutriente é indicada, especialmente por oferecer outros benefícios, como ajudar o organismo a manter o aporte adequado para que haja um equilíbrio entre substâncias oxidantes e antioxidantes, evitando o dano celular. VitaE, do Aché Laboratórios Farmacêuticos, contém vitamina E concentrada (400 mg), atuando na redução dos radicais livres do organismo.

 
 
 
 
 
Comentários