Aracaju, 16 de Outubro de 2018

Coluna

Post 38709a474f3f1d37

Pensamento, palavra e ação

Por Suely Buriasco

Treinamentos em resolução de conflitos e coaching para equipes, familiares e pessoais.
Aprenda a administrar conflitos e fortaleça suas relações!

 

Suely Buriasco é  consultora em Mediação Corporativa, Mediação de Conflitos e Coach, atuando nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Educadora graduada em Estudos Sociais e pós-graduada em Docência Superior e Mediação de Conflitos e MBA em Gestão Estratégica de Pessoas.  É articulista de jornais e sites, sempre abordando temas que incentivam o autoconhecimento e a busca pelo equilíbrio, harmonia e sabedoria. Possui dois livros publicados pela "Novo Século"Editora": Uma Fênix em Praga e Mediando Conflitos no relacionamento a dois.



Agende sua consulta através do telefone 11 3254-7420 ramal 143
WhatsApp 11- 993514566
www.sburiasco.com.br

22/09/2015
Táticas para mediar conflitos no trabalho
Article cover big e8a3193d80340b68

Quando há diferentes interpretações sobre a mesma questão, os conflitos acontecem. Isso até certo ponto é natural, porque as pessoas têm percepções diferentes das situações e acabam distorcendo ideias. Mas é preciso atenção para que as coisas não saiam do controle e os conflitos não se ampliem de forma a gerar brigas que podem enveredar até para a violência. No ambiente profissional, onde o convívio é mais intenso, os conflitos são ainda mais comuns.
 

Para facilitar o trabalho do líder ao mediar conflitos entre os membros da equipe, confira essas cinco táticas infalíveis.
 

1- Demonstre autoconfiança
 

Não perca a calma diante de discussões e conflitos mais acirrados; não se envolva emocionalmente com a situação. Busque negociar de forma racional, imparcial dentro do possível e mantenha as coisas sob controle.
 

2- Seja empático


Desenvolva a habilidade de compreender as atitudes alheias, inclusive as mais bizarras, que você jamais cometeria. Mesmo não concordando com elas, você vai criar um canal de entendimento que facilitará o relacionamento com o outro.

 

3- Ouça os dois lados
 

Um provérbio chinês diz: "Todos os fatos têm três versões: a sua, a minha e a verdadeira". Para ser justo o líder precisa entender os pontos de vista conflitantes antes de tomar qualquer decisão, por isso precisa ouvir atenciosamente cada pessoa envolvida.


4- Estimule o diálogo


Incentive a conversa amigável e serena através da apresentação de ideias objetivas e claras. Procure fazer com que os membros da equipe entendam uma premissa muito simples: "Não levante a voz; melhore os argumentos".

 

5- Não se omita


Claro que o melhor é que as coisas se resolvam com o consenso, mas o fato é que também é papel do líder decidir diante de um impasse e você não pode fugir disso. Nesse caso cuide para que os critérios de sua decisão fiquem bem claros.

 

Seguindo estas táticas, você conquistará respeito dos colaboradores que entenderão que, sob o seu comando, o melhor é buscar negociar as diferenças. Dessa forma, certamente, os conflitos na sua equipe diminuirão muito.

Envie seu comentário