Aracaju, 11 de Dezembro de 2018

Coluna

Post 38709a474f3f1d37

Pensamento, palavra e ação

Por Suely Buriasco

Treinamentos em resolução de conflitos e coaching para equipes, familiares e pessoais.
Aprenda a administrar conflitos e fortaleça suas relações!

 

Suely Buriasco é  consultora em Mediação Corporativa, Mediação de Conflitos e Coach, atuando nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Educadora graduada em Estudos Sociais e pós-graduada em Docência Superior e Mediação de Conflitos e MBA em Gestão Estratégica de Pessoas.  É articulista de jornais e sites, sempre abordando temas que incentivam o autoconhecimento e a busca pelo equilíbrio, harmonia e sabedoria. Possui dois livros publicados pela "Novo Século"Editora": Uma Fênix em Praga e Mediando Conflitos no relacionamento a dois.



Agende sua consulta através do telefone 11 3254-7420 ramal 143
WhatsApp 11- 993514566
www.sburiasco.com.br

18/09/2018
Que ser feliz? Valorize o bom e priorize o principal
Article cover big c5cb71bbd86879b2

Claro que a felicidade não obedece a qualquer padrão; cada pessoa precisa encontrar o que a faz feliz e como agir para alcançar esse sentimento.
Entretanto, podemos citar, sem medo de errar, um parâmetro que serve para todo mundo: para ser feliz é preciso valorizar o que é bom e estar atento ao que, realmente, é o principal. Parece muito fácil, mas não é bem assim e a prova disso são as inúmeras decepções que geram tanta dor. O caminho para saber o que nos pode fazer feliz é o do autoconhecimento que exige muita reflexão. Responder a questões do tipo: “O que eu faço tem me dado satisfação?”; “Como eu me sentiria se fizesse diferente?” “Como posso agir, efetivamente, para me sentir feliz?”. Essa deve ser a nossa busca.

 

Valorize o bom 


Todos nós passamos por dificuldades, embaraços e até tragédias em nossas vidas. O ser humano já nasce enfrentando perdas e assim acontece continuamente; as perdas são responsáveis pelo sofrimento humano. Perda de entes queridos, de bens materiais, de saúde, de confiança... E tantas outras nos causando sofrimento, tristeza, decepções. Mas também é fato que na vida de todos nós existem situações e pessoas que nos provocam bons sentimentos e alegrias. É feliz quem valoriza o que tem de bom em detrimento às dificuldades. Por isso a felicidade é uma determinação de quem elege as coisas boas da vida que, como dizem, normalmente não são coisas.

 


Priorize o principal


Parece obvio dar maior atenção ao que consideramos mais urgente, mas quase sempre não é assim que agimos e perdemos precioso tempo. Muitas vezes só percebemos isso quando nos falta o principal e, então, nos envolvemos na tristeza e na culpa que dilacera. Priorizar é dar vantagem a algo ou alguém; é colocar em primeiro lugar e ter especial cuidado e atenção. O grande problema de nossas vidas não são as dificuldades que nos surgem e sim o que fazemos com elas e, mais ainda, o que deixamos de fazer por causa delas. Infelizmente o mais comum é que as pessoas se envolvam tanto com os obstáculos que se esquecem de dar atenção ao que é capaz de fazer-lhes bem e revigorá-las para a luta necessária.
 

Quando colocamos uma ordem de valores em nossas vidas, enumeramos primeiramente tudo o que é positivo e nos tornamos pessoas gratas e, consequentemente, mais felizes.
 

Que acha de começar agora?

 

 

Suely Buriasco
Mediadora e coach
www.suelyburiasco.com.br

Envie seu comentário