Aracaju, 20 de Janeiro de 2018

Coluna

Post 135e91c45cdeb016

A Gente se Entende

Por Suely Buriasco

Treinamentos em resolução de conflitos e coaching para equipes, familiares e pessoais.
Aprenda a administrar conflitos e fortaleça suas relações!

 

Suely Buriasco é  consultora em Mediação Corporativa, Mediação de Conflitos e Coach, atuando nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

Educadora graduada em Estudos Sociais e pós-graduada em Docência Superior e Mediação de Conflitos e MBA em Gestão Estratégica de Pessoas.  É articulista de jornais e sites, sempre abordando temas que incentivam o autoconhecimento e a busca pelo equilíbrio, harmonia e sabedoria. Possui dois livros publicados pela "Novo Século"Editora": Uma Fênix em Praga e Mediando Conflitos no relacionamento a dois.



Agende sua consulta através do telefone 11 3254-7420 ramal 143
WhatsApp 11- 993514566
www.sburiasco.com.br

23/04/2015
Ele não assume você!
Article cover big b495cd762879974d

Por Suely Buriasco

Você está super envolvida pelo cara, cheia de planos para esse relacionamento e cada

vez mais insegura porque ele não assume o namoro, apresenta você como amiga e 

não gosta que você o procure? Cuidado: pode ser que ele já seja comprometido, até 

mesmo casado ou que realmente não tenha intenção de compromisso sério. Vale a 

pena refletir se você não está perdendo seu tempo. 

Algumas características são comuns em homens que fogem de compromisso.

1- Nunca nomeiam o relacionamento: Sai com você, parece bastante à vontade, mas 

se esquiva sempre que você quer chamá-lo de namorado.

2- Não gostam de falar de si mesmo: Evita qualquer comentário sobre si mesmo, sua 

família ou amigos. Deixa claro que se aborrece e não responde perguntas que envolva 

informações pessoais.

3- Preferem programas privativos: Diz que quer ficar a dois sempre que você 

manifesta vontade de sair em grupo, prefere passeios discretos em lugares pouco 

populares. 

Em um relacionamento o diálogo é fundamental, assim, silêncios e ausências 

constantes são totalmente disfuncionais e representam descomprometimento. Nesse 

sentido, a mulher que se submete a esse tipo de relação vive em constante 

insegurança e precisa escolher entre aceitar ou buscar esclarecer a situação. O pior é 

que, comumente, homens que se comportam assim não respeitam os sentimentos da 

mulher e, não raras vezes, reclamam como se as cobranças fossem descabidas. 

Também há os que se fazem de vítima sempre que pressionados, conseguindo fazer 

com que muitas mulheres se sintam culpadas e aceitem as condições dele.

Cada mulher deve saber de seus próprios limites, contudo é essencial que busque 

maneiras de se sentir mais tranquila, desenvolvendo uma boa autoestima. Afinal não é 

possível ser feliz sem amar, primeiramente, a si mesmo.

Dessa forma a grande questão é:

_O que você quer desse relacionamento? 

                                                                                                 

www.youtube.com.br/user/SuelyBuriasco

Envie seu comentário